Pesquisar este blog

Carregando...

segunda-feira, 4 de junho de 2012


 
A Santíssima Trindade!

 

Das três Pessoas da Santíssima Trindade houve alguma que encarnou e se fez homem?

Sim. Das três Pessoas da Santíssima Trindade encarnou e fez-se homem a segunda, ito é, o Filho.

A criação é obra de amor. desde toda a eternidade, vivem as três divinas Pessoas imensamente felizes; mas quiseram que outras criaturas também participassem da sua beatitude.
Foi então criado o homem, dotado de dons maravilhosos, colocado num paráiso de delícias, elevado à dignidade de filho de Deus e feito rei de toda a criação.
Deu-se, contudo, na história do homem, um lamentável acontecimento.
Logo à primeira prova, deixou-se ele seduzir pelo diabo, desobedeceu ao Criador, tornando-se, pois, indgno da graça e da amizade de Deus.
Foi por isso expulso do paraíso.
Tanto o pecado original como o mortal, sendo ofensa a um Deus infinito, revestem-se de málicia infinita, provocando da Justiça divina um castigo eterno.
Poderia o homem, pobre criatura culpada, repará-lo? Nunca!
Só o amor infinito de Deus, que já criara o homem, poderia redimi-lo.
A segunda Pessoa da Santíssima Trindade - o Filho de Deus - desceu à terra, revestiu-se da natureza humana, tomou um corpo e uma alma imortal e, tornando-se em tudo semelhante ao homem, sacrificou-se por ele, oferecendo-se ao Eterno Pai como vítima de expiação.
"Mas quando apareceu a bondade e o amor do Salvador, nosso Deus - diz São Paulo - salvou-nos mediante o batismo de regeneração e de renovação do Espírito Santo, que Ele difundiu sobre néos, abundantemente por Jesus Cristo, nosso Salvador" (Tito 3,4-5).

sexta-feira, 11 de maio de 2012




Mensagem de Arcanjo Miguel Arcanjo!


A evolução dos Anjos

Os Anjos evoluem, primeiramente, pelo controle da radiação. Eles aprendem, por meio do controle da energia, como se tornarem Querubins, Serafins, Arcanjos e finalmente Grandes Seres que guardam e protegem os Planetas, Galáxias e Grandes Sistemas de Mundos.
O Amado Amado Arcanjo Jofiel, em Seu Templo, trabalha com o Reino Angélico de modo muito semelhante ao do Amado Paulo Veneziano que trabalha com o Reino Elemental.
O Aprendizado dos pequenos Anjos no uso da Energia
''Os pequenos Anjos aprendem a atrair radiações, a emitir um sentimento. O Deva ou professor encarregado irradia um sentimento, digamos, de Fé. A cor e o poder dessa qualidade irradiados de seu corpo (do professor)  são instantaneamente recriados no mundo de sentimentos dos pequenos Seres Angélicos que se deleitam com eles, e tal como abelhas que se aglomeram em volta de uma flor, comprazendo-se com seu néctar, eles absorvem a qualidade da virtude, dão risadas e ficam alegres.''
''À medida que crescem, afastam-se apenas um pouco do Templo, e a Qualidade da Virtude escapa de seus corpos sem nenhuma restrição ou controle, formando na atmosfera pequenas chispas de luz, qualidade e cor - algo parecido com os fogos de artifícios que vocês usam nas comemorações .''
A primeiras tarefas dos pequenos anjos
''À proporção que os Anjos aprendem a manter em seus corpos, por mais tempo, a qualidade que lhes foi destinada, eles evoluem no controle da energia e são encaminhados para um Deva de Cerimonial ou algum Membro experiente do Reino Angélico que esteja em condições para entrar na mais baixa camada atmosférica da Terra. ''

''São eles ( Os pequenos anjos) então instruídos para conservarem consigo a qualidade ( no nosso exemplo a Fé), até que o Anjo dirigente aponte algumas correntes de vida (se refere a algum ser humano) que estejam necessitadas de Fé; e assim eles vão em frente na sua missão. Às vezes eles são capazes de segurar a radiação pelo tempo recomendado, e outras vezes não''.
Um exemplo de trabalho dos pequenos anjos
''Não é importante no início, mas se forem bem sucedidos, descerão à atmosfera da Terra e a Veladora Silenciosa de uma Cidade os conduzirá a um lar onde talvez exista uma mãe vigiando o leito do filho enfermo ou um indivíduo com alguma aflição. A Veladora Silenciosa então instruirá um pequeno Anjo para irradiar a qualidade que ele conserva na sua consciência, em direção ao mundo emocional da pessoa necessitada, e assim prestar o serviço para o qual foi criado.''
Quando o homem sente a presença de um Anjo
''A Fé do Anjo é o Seu dom para o ser humano - o ser humano sente a presença do Anjo numa onda de renovada esperança, de confiança mas ele não vê nem conhece seu pequeno visitante Celestial. O pequeno anjo tendo cumprido sua missão, apressa-se em retorno à aura protetora do Seu Diretor - e por fim todo contigente segue velozmente de volta ao Sol o Templo de onde procedeu.''
Amplitude no trabalho dos Anjos
''Os Anjos crescem dessa maneira até serem investidos de suficiente controle de energia para receberem o encargo de tomar conta de uma casa, uma igreja, um hospital ou um asilo de alguma espécie. Lá eles permanecem atraindo a energia da Mente Divina para abençoar seus protegidos, entrelaçando-a com a energia das pessoas desses lugares, quaisquer que sejam as orações que elas façam. Orando, as pessoas ( talvez inconsciente) devolvem - equilíbrio e bênçãos para a Luz e o Amor Divinos.''
''Como vocês vêem, o Reino Angélico se ocupa, primeiramente, em trazer os Dons de Deus, e cada Anjo se dedica ao extremo, a um único objetivo. Se Eles são avisados para trazer Fé, esta Qualidade representa toda sua consciência. Eles são a obediência personificada e, tendo prestado o serviço que lhes foi atribuído, voltam para casa.''
''Uma outra atividade da Hoste Angélica, no momento, consiste em expandir as Virtudes já existentes nos humanos. Os Anjos não se deixam, todavia, abater por este serviço ou pelo fato de, infelizmente, não haver um equilíbrio entre os defeitos e as virtudes da raça.''
''Salve, Filhos de Deus! Seres Viventes de Fogo, representantes dos três Grandes Reinos, espíritos Guardiães de outras Estrelas e Planetas!''
''Vocês sabem o quanto Eu os amo,
individualmente ?"

ARCANJO MIGUEL.

segunda-feira, 2 de abril de 2012




Oração à Sagrada Face de Jesus!
 
Senhor Jesus Cristo, sumo e eterno Sacerdote, Dádiva Suprema do Pai celeste, que sois para toda a humanidade o Doador de nossas pobres dádivas ao Pai, uni os sofrimentos de Vossa Sagrada Paixão e morte aos sofrimentos de todos os que padecem os horrores do câncer e da AIDS, concedei-nos, pelos méritos infinitos de Vossa Sagrada Face, a luz que ilumine e dirija as inteligências dos cientistas, a fim de que possam descobrir, guiados pelo Espírito Santo, o remédio eficaz para definitivamente debelar tão horríveis males. Nós Vos suplicamos em nome e pelos méritos de Nossa Mãe Santíssima Nossa Senhora das Vitórias. Amém.

Oferecimento.

Pai Santo, Onipotente e Eterno, eu Vos ofereço a adorável Face de Vosso muito amado filho Jesus:
Pela honra e glória do Vosso Santo Nome;
Segundo as intenções mais urgentes do Santo Pontífice;
Pela santificação das almas consagradas a Vosso divino Serviço, especialmente os Sacerdotes;
Pela cura, alívio, conforto de todos os doentes; e especialmente os mais graves e desamparados;
Pela conversão de todos os pobres pecadores... Especialmente dos que mais precisam dos tesouros de Vossa divina misericórdia...
"Santíssima Virgem Maria, medianeira de todas as graças, oferecei por nós ao Pai Eterno a Sagrada Face de seu filho Jesus, alcança-nos paz, saúde - o pão de cada dia -, libertação da fé e o triunfo da Verdade."

Preces da Associação (em favor dos devotos da Sagrada Face)

Pai Santo Onipotente, Eterno, nós oferecemos a adorável face de vosso muito amado filho Jesus: - Pela propagação e adoração da Sagrada Face, o aumento dos associados, a santificação pessoal de cada um, para que todos os pedidos sejam atendidos, contanto que não sejam prejudiciais à sua alma, sua saúde, e ao próximo: Rezemos ao Senhor.
- Senhor, escutai a nossa prece.
- Por todos nós aqui presentes, que deixamos nossas casas para virmos aqui fazer nosso ato de desagravo aos ultrajes sofridos por Jesus em sua Sagrada Face ensangüentada: Rezemos ao Senhor.
-Senhor, escutai a nossa prece.
-Por todos os devotos da Sagrada Face que tem doentes em casa, nos hospitais e pedem a sua cura: Rezemos ao Senhor.
-Senhor, escutai a nossa prece.
-Pedimos pela juventude, pela paz, por todos os devotos da Sagrada Face, que tem seus parentes fora de casa, solteiros ou casados, estudando ou trabalhando, para que a Sagrada Face, para que a Sagrada Face os preteja e os livre de todos os perigos, tentações, maldades, acidentes e conserve suas vidas, sua saúde, a paz, o bem-estar e esperança em dias melhores: Rezemos ao Senhor.
-Senhor, escutai a nossa prece.
-Por todos os devotos da Sagrada Face que tem suas intenções particulares, para os que estão atravessando uma fase difícil na vida, dívidas, doenças, dívidas atrasadas, salários insuficientes, pelos desempregados, por todos os que pediram nossas orações: Rezemos ao Senhor.
Rezando o Rosário na Quaresma!

A experiência de recitar o Rosário é uma das formas mais antigas da devoção popular à Maria. Rezar o Rosário, individual ou conjuntamente, não é, porém, apenas uma simples recitação de uma série de orações. É muito mais: é, com Maria, percorrer a história da salvação através dos mistérios da vida de Jesus Cristo.

Contemplar os mistérios da vida de Jesus é um convite a revivermos, internamente, cada momento que nos é proposto. É relembrar, com a memória, a história; é olhar, com a imaginação, a cena que se passa; é entender, com o sentimento, o chamado que Deus nos faz através daquela reflexão.

Neste momento especial da Igreja, em que se inicia a Quaresma – caminho que nos levará a Jerusalém, local da paixão e ressurreição do Senhor – é bastante apropriado nos fazermos acompanhar de devoções particulares que nos permitam revisitar os passos de Jesus e com Ele e Sua mãe experimentarmos seu sofrimento e sua glória.

Portanto, segue abaixo o roteiro para se rezar o Rosário – ou o Terço – com dicas de leituras bíblicas que podem aprofundar sua reflexão.


No Rosário são rezadas as seguintes orações:
A meditação do Rosário começa com o Sinal da Cruz, evocação da Santíssima Trindade, princípio e fim de nossa fé.

Em seguida, o Credo que nos convida a meditar sobre os principais artigos de nossa fé.
Antes de iniciar os mistérios, temos um conjunto de quatro orações iniciais - um Pai Nosso e três Ave Maria que é um momento de petição e oferecimento da oração do Rosário que está sendo iniciada.

O Rosário é composto por mistérios, organizados conforme a maneira que se propõe a reflexão sobre a história da Salvação. Assim é que teremos cinco mistérios gozosos (ou da alegria), cinco dolorosos, cinco gloriosos e, mais recentemente, os cinco mistérios luminosos.

Cada mistério é iniciado por um Pai Nosso seguido pela recitação de 10 Ave Maria e finalizado com um Glória ao Pai.

Após a meditação dos mistérios, finaliza-se o Rosário com a recitação da Salve Rainha, em louvor à Maria pelas graças concedidas com a oração que termina.

O TERÇO!

O Terço é uma forma abreviada de se rezar o Rosário. Como o próprio nome diz, o Terço refere-se à terça parte do Rosário, ou seja, a meditação diária de apenas cinco dos conjuntos de mistérios propostos. Tradicionalmente, a meditação dos mistérios é realizada conforme os dias da semana, ou seja, para cada dia é proposto um conjunto de mistérios diferente.

A recitação do Terço é bastante comum na oração individual e comunitária. Famílias, grupos de oração e pastorais costumam reunir-se para rezar o Terço, marcando momentos de celebração e reflexão, sobretudo no mês de Maio, dedicado à Maria.

MEDITAÇÃO DOS MISTÉRIOS!

Roteiro para percorrer os mistérios da história da Salvação, com sugestões de leituras bíblicas que poderão auxiliá-lo na contemplação proposta por cada um.
A carta apostólica Rosarium Virginis Mariae, recentemente publicada, faz uma alusão à distribuição dos mistérios pelos dias da semana, assemelhando-a ao tempo litúrgico de uma forma bastante interessante. Diz o Papa João Paulo: “A distribuição pela semana acaba por dar às sucessivas jornadas desta, uma certa cor espiritual, de modo análogo ao que faz a Liturgia com as várias fases do ano litúrgico.”

MISTÉRIOS GOZOSOS OU DA ALEGRIA – REZADOS ÀS SEGUNDAS E SÁBADOS!

Primeiro Mistério: Contemplação do anúncio do anjo Gabriel à Maria

Segundo Mistério: Contemplação da visita de Maria à sua prima Isabel

Terceiro Mistério: Contemplação do Nascimento de Jesus

Quarto Mistério: Contemplação da apresentação de Jesus no Templo

Quinto Mistério: Contemplação da perda e do encontro de Jesus no Templo


MISTÉRIOS DOLOROSOS – REZADOS ÀS TERÇAS E SEXTAS-FEIRAS!

Primeiro Mistério: Contemplação da agonia de Jesus no Horto das Oliveiras

Segundo Mistério: Contemplação da flagelação de Jesus

Terceiro Mistério: Contemplação da coroação de espinhos de Jesus

Quarto Mistério: Contemplação de Jesus carregando sua cruz para ser crucificado

Quinto Mistério: Contemplação da crucificação e morte de Jesus


MISTÉRIOS GLORIOSOS – REZADOS ÀS QUARTAS-FEIRAS E AOS DOMIGOS!

Primeiro Mistério: Contemplação da ressurreição de Jesus

Segundo Mistério: Contemplação da ascensão de Jesus aos céus

Terceiro Mistério: Contemplação da descida do Espírito Santo sobre N. Senhora e os Apóstolos no Cenáculo

Quarto Mistério: Contemplação da Assunção de Nossa Senhora

Quinto Mistério: Contemplação da coroação de Maria como Rainha do Céu e da Terra

sábado, 24 de março de 2012

  • Promessas de Nosso Senhor Jesus a quem não receber a Sagrada Comunhão na mão.
  •  
  • Nosso Senhor manifestou-se a uma alma privilegiada, concentrada em oração profunda, fazendo as seguintes promessas àqueles que não receberam o seu Corpo Sagrado na mão. Por enquanto, decidiu-se não revelar a identidade desta pessoa, uma vez que estes fatos são muito recentes. Advertência torna-se necessário deixar bem claro que estas promessas não são válidas para aqueles que comungarem em pecado mortal. Também comungará de forma delituosa quem, de forma consciente, mastigar a Hóstia ou triturar com os dentes. Promessas de Nosso Senhor Jesus Cristo: Àqueles que se abstiverem de receber com as suas mãos o Meu próprio Corpo, Sangue, Alma e Divindade, Eu prometo enchê-los das maiores bênçãos nas suas mãos, alma e em todo o seu ser; Prometo-lhes muitas mais graças na sua passagem pela Terra, com maiores garantias de salvação e aumento de Glória essencial e acidental, por toda a sua vida eterna, Comigo, nas moradas celestiais; Sentir-Me-ão na Comunhão, de tal forma e com tanta plenitude, que ficarão sem a vontade natural de me tocarem; Aqueles que assim fizerem, com persistência, receberão grandes graças minhas, assim como grandes benefícios para a sua casa; Também prometo, àqueles que fizerem corretamente aquilo que mais desejo, poderes especiais nas suas mãos contra os inimigos da alma e, a muitos, darei carismas de curar; Prometo que, se assim procederem de forma perseverante, chegarão, de todas as formas, com mais intensidade, na busca apenas de maior Honra e Glória Minhas, e Eu os exaltarei de forma especial por toda a eternidade; Concederei igualmente, a todos que, por amor, cumprirem os Meus desígnios, abstendo-se de Me receber nas mãos, por maior adoração, humildade e santo respeito, o dom do discernimento do espírito com maior intensidade; Os seus nomes estarão escritos de forma especial no Meu Coração se, para me darem maior gosto, comungarem corretamente na língua e não na mão; Também prometo que os aumentarei em todas as virtudes, como recompensa a essa maior humildade que admite nunca ter as suas próprias mãos suficientemente puras para Me tocarem; Prometo ainda que facilmente propagarão a Minha doutrina e que vencerão com maior facilidade todas as tentações; Não conseguirão afastar de Mim as almas daqueles que Me receberem na língua e não nas mãos, se o fizerem com a reverência devida e viverem assim todos os dias da sua vida; Prometo, igualmente, que aqueles que, por delicadeza para com a Minha vontade, Me consolem recebendo-me devidamente sempre na língua e não nas mãos, não terão as portas fechadas para o Meu Amor; Se assim perseverarem, para mais Me agradarem, comungando na língua, prometo que chegarão a trabalhar só pelo Meu Coração, com o Meu Coração, no Meu Coração e para o meu Coração; Prometo ainda, àqueles que deste modo me honrarem, que serão ouvidos de forma muito especial e com grande complacência; Se, neste pedido comungar sempre na língua e nunca nas mãos tão importante para mim, me fizerem a vontade, por meu Amor, procurarão seguir sempre os meus Divinos pedidos e Eu os alegrarei de forma especial, como prova da Minha complacência; Estes que assim atuarem farão sempre um grande bem às almas; pelo contrário, aqueles que insistirem no desejo de Me tomarem nas suas mãos, encontrarão a Minha Vontade endurecida em muitas coisas, e sentirão dificuldade em conhecer o meu gosto, a minha pregação, o meu Magistério; Mas, aqueles que não tocarem com as suas mãos na Sagrada Forma, preparando-se, de forma especial, em todo o seu ser, para na hora de Me tomar em comunhão, me pedirem que seja apenas Eu, e eles nada, prometo a graça de, em pouco tempo, alcançarem uma altíssima perfeição cristã, que procurarão o meu Rosto com maior amor, de se esquecerem mais facilmente de si mesmos, de terem sempre o meu Coração consolado por este gesto, e de receberem maiores luzes celestiais e terão uma maior alegria eterna vinda do Meu Coração. Promessas a quem difundir estas mensagens: Àqueles que divulgarem estas promessas, prometo o dom do conhecimento dos corações; Alcançarão uma Glória excelsa no Céu; Terão uma vida espiritual, ainda que nem sempre material, tão intensa em tão poucos anos, como se tivessem vivido muitíssimos anos de santidade; Encherei de grandes bênçãos os seus familiares; Prometo ainda que quanto mais fizerem conhecer estas promessas, mais me derramarei sobre eles; Farei com Me que sintam de modo intenso, numa plenitude crescente; Não permitirei que empreendam desígnios que não sejam do meu agrado; Porei no seu caminho uma Luz tão forte de modo a que, com a minha superabundante assistência, evitem o mal e façam não só o bom como principalmente aquilo que mais me agrada; Dar-lhes-ei ainda mais graças, incontáveis, se as divulgarem com fervor. Será considerada uma grande omissão não dar a conhecer as Minhas promessas.
Definindo o que é Louvor e Adoração!

O Louvor está relacionado à sua demonstração de gratidão a Deus, por
tudo ao que ele tem feito . Através de "barulhos", sons, música, danças,
com todo nosso corpo exaltando aquele que é Digno de Louvor. Na palavra
de Deus em Edras 3:10-11 encontramos um exemplo claro sobre como
devemos louvar ao Senhor, diz assim: "Quando os construtores lançaram os
alicerces do templo do SENHOR, os sacerdotes, com suas vestes e suas
trombetas, e os levitas, filhos de Asafe, com címbalos, tomaram seus
lugares para louvar o SENHOR"


Adorar: No sentido literal da palavra significa "prostrar-se",
reverenciar, venerar, amar extremosamente, idolatrar, cultuar, curva-se,
cair o rosto em terra, render-se. No grego a palavra é "proskuneo" -
pros( na direção de) (beijar), ou seja , a adoração é a forma
comum de se chegar perto de Deus.


A adoração é a forma de demonstrarmos"quem Deus é" na nossa vida, qual
a posição que ele ocupa no seu coração, na sua mente. Prostar-se diante
do Senhor de tudo que existe, no céu, na terra, ou debaixo da terra.

Em Genêsis 22:5 vemos Abraão indo adorar a Deus, ele realmente sabia o real significado da palavra adoração.


Agora vamos comparar e descobrir, diferenças entre as duas expressões:


LOUVOR: É Motivado na alma por um impulso de receber do Senhor


ADORAÇÃO: É Motivado no espírito por um impulso de dar ao Senhor.


LOUVOR: Pode ser comunitário (envolver mais pessoas)


ADORAÇÃO: É individual ( Tem haver com intimidade entre você e Deus)


LOUVOR: Brota das emoções


ADORAÇÃO: Brota da devoção


LOUVOR: Pelos feitos de Deus ( Gratidão, ações de graça)


ADORAÇÃO: Pelo que Deus é ( Qual é a importância que ele têm na sua vida)


LOUVOR: Pelos presentes de Deus


ADORAÇÃO: Pela presença de Deus


LOUVOR: É uma expressão de vida


ADORAÇÃO: É um estilo de vida


LOUVOR: É circunstancial


ADORAÇÃO: É incondicional


LOUVOR: Aprecia os feitos de Deus

ADORAÇÃO: Vive para Deus


LOUVOR: Pode ser distante


ADORAÇÃO: Só ocorre na presença


LOUVOR: É mais exuberante, enérgico, movimentado, barulhento, com mais palavras


ADORAÇÃO: É mais sóbrio, com menos movimentos, menos palavras, inclinando-se a cânticos espirituais e silêncio.


Não devemos nos equivocar, dizendo que é mais espiritual adorar, pois o
que aprendemos é que ambos se complementam. Assim, devemos ter a
liberdade de louvar com expressões espontâneas, enérgicas ao mesmo tempo
de adorar com cânticos mais contemplativos...

sábado, 10 de março de 2012


O BATISMO NÃO APAGA AS IMUNDÍCIES!

A vitória de Cristo sofredor.


Pois também Cristo morreu, uma vez por todas, por causa dos pecados, o justo
pelos injustos, a fim de nos conduzir a Deus. Sofreu a morte, na sua existência
humana, mas recebeu nova vida pelo Espírito. No Espírito, ele foi também pregar
aos espíritos na prisão, a saber, aos que foram desobedientes antigamente,
quando Deus usava de longanimidade, nos dias em que Noé construía a arca.
Nesta arca, umas poucas pessoas — oito — foram salvas por meio da água.


À arca corresponde o batismo, que hoje é a vossa salvação. Pois o batismo não
serve para limpar o corpo da imundície, mas é um pedido a Deus para obter uma
boa consciência, em virtude da ressurreição de Jesus Cristo. Ele subiu ao céu e está à direita de Deus, submetendo-se a
ele anjos, dominações e potestades (potestade podem ser anjos, santos e
potestades infernais, neste texto fala de demônios infernais).

Comentário:

Com muita clareza diz a palavra inspirada por
Deus: O Batismo não serve para limpar as imundices do corpo e sim é um pedido a
Deus para obtermos uma boa consciência. Não podemos usar o Batismo só para
purificar nossa consciência, não é assim que funciona, pois se assim fosse os
criminosos, corruptos, homossexuais, pedófilos, prostituição e toda manipulação
do entendimento dos textos bíblicos, a esse povo bastaria o batismo que todos
estariam purificados.


Quantos crimes bárbaros e todos estariam purificados.


O Batismo direciona o batizado a integrar-se no comprometimento de levar uma
vida em busca da luz, do amor e da verdade de Deus, pois sem o batismo é como
um ser ter nascido e não ser registrado vive na informalidade e anonimato, não
se tem parâmetro para reconhecer ou identificar.

Diz a palavra de Deus que sem o Batismo não há salvação, mas diz também que não basta
o Batismo para se salvar, é preciso viver as verdades de Deus.